Pular para o conteúdo principal

[Resenha] Shopping King Louie

Boa Tarde queridos leitores do Cantinho das Xarás! Hoje lhes trago mais uma resenha de dorama. A estrela da vez é Shopping King Louie, protagonizado pelo nosso querido Seo In Guk e Nam Ji Hyun, que também possui tanto talento quanto seu colega. Inicialmente li a sinopse e fui deixando o dorama como uma das últimas opções para assistir, pois só um fator tinha chamado a minha atenção. As outras histórias pareciam infinitamente melhores do que esta.
É o tipo de dorama que você só começa a assistir por causa do oppa lindo e da atriz que você gostou em outro dorama, mas que depois você se arrepende amargamente por não ter dado uma chance antes. Ainda estão duvidando da minha palavra? Então venham comigo ler os próximos parágrafos dessa resenha. Garanto que não vão se arrepender! Um novo mundo está bem a frente...


                             
                             Título: Shopping King Louie
                             Episódios: 16
                             Ano: 2016
                             Gênero: Comédia, Drama, Romance 
                             Emissora: MBC
                             Idioma: Coreano / legendado em português-br.
                             País: Coreia do Sul
Sinopse:

Muitos almejam a riqueza e trabalham com afinco  para consegui-la, isso quando não invejam os bens do próximo, mas felizmente Kang Ji Sun não precisou fazer o mínimo esforço para conquistar sua riqueza, uma vez que sua família estava entre a elite. Órfão de pai e mãe teve todas as vontades atendidas pela avó, transformando-se em um jovem mimado. Entretanto, nem todo o dinheiro do mundo pode suprimir  o vazio existencial presente em seu coração. Ji Sun desenvolveu uma compulsão por compras, fato que o fez ficar conhecido como Rei das Compras Louie. Devido a circunstâncias misteriosas, além de macabras ele conhece a generosa Ko Bok Sil. Um encontro que mudará a sua forma de pensar e viver...

Resenha
Louie perdeu os pais quando ainda era criança em um inesperado acidente de carro, tornando-se o único herdeiro chaebol de um grande conglomerado. Este tinha somente sua avó no mundo, que o criou da forma mais amável em busca de proporcionar todo o amor que ele tinha sido de privado de sentir dos pais. A avó acreditava ter má sorte em sua vida e por este motivo decidiu mandá-lo para os Estados Unidos aos cuidados do seu mordomo mais leal. Louie estava rodeado pelo luxo, porém interiormente sofria com um grande vazio existencial. Ele estava extremamente solitário, então para não ser consumido pela tristeza fazia compras todos os dias, adquirindo especialmente artigos limitados. Certa vez se interessou por uma jaqueta do seu próprio império e foi o primeiro a comprá-la. Posteriormente essa peça de roupa causou muita confusão, da qual falarei daqui a pouco.
Devido a um problema de saúde da avó ele retorna a Seul. Entretanto, sofre um acidente e é dado como morto. Na verdade ele não havia falecido, apenas perdeu a memória, o que o fez viver como um mendigo nas ruas da Coréia. Este por sua vez vestia a jaqueta falsificada do irmão da jovem Ko Bok Sil, bordada por ela mesma. Ko Bok Sil morava no interior com seu irmão mais novo e a avó. Um dia a equipe de uma grande emissora de tv fez um documentário onde a estrela era a mesma. Neste dia Louie se apaixonou a primeira vista pela moça. Ele nem imaginava que o destino iria colocá-los defronte um ao outro. O irmão dela fugiu em busca de uma vida melhor, deixando as duas sozinhas. Pouco tempo depois a avó deles também se foi. Parece que este casal tem muita coisa em comum apesar de estarem separados por classes distintas...Os dois ficaram órfãos precocemente.
O dorama tem partes um pouco surreais. Afinal, quem em sã consciência levaria um mendigo junto de si para todo lugar?  Mesmo que esse morador de rua seja um gato como o Seo In Guk kkkkkk( admito que fiquei tentada, mas é melhor não kkk).
Esse tipo de coisa me afasta dos doramas, mas em alguns casos consigo me apaixonar perdidamente pela temática. Foi o caso desse dorama.  Inicialmente a garota não tinha nenhum dinheiro, nem qualquer formação acadêmica. Mas como ela é demasiado determinada dá o seu melhor em qualquer trabalho. Por coincidência, ou destino ela é contratada para ser faxineira na Golden Line, a empresa que será herdada pelo nosso protagonista queridinho. O protegido da vovó(Louie) traz diversos apuros para a caipira por não saber economizar, ele simplesmente compra tudo o que deseja. O Ji Sung é um personagem fofinho, meigo, puro e bem mimado. Já vi diversas pessoas o criticando pelo seu jeito de ser, porém para mim esse é o brilho do personagem. Um ponto que diferencia esse de muitos outros doramas, pois na maioria das produções asiáticas nos deparamos com caras arrogantes, que maltratam as personagens femininas, repletos de problemas psicológicos e desconfiança no amor, bem como na humanidade. Lógico que esse é o perfil dos meus personagens favoritos, assim como de diversos fãs de doramas. No entanto, às vezes sinto falta de mocinhos dóceis e o Louie ganhou um lugar especial no meu coração. O início do dorama nos traz perguntas como: Foi mesmo um acidente ou alguém planejou? Se Louie está vivo, então quem morreu? Por quê ele estava com a jaqueta do irmão da Ko Bok Sil? Fiquei tão curiosa que tive que continuar assistindo para saber.
Teremos todas as respostas quando assistirmos.
Eu amava todas as caras e bocas que o Louis fazia.
Que homem lindo e elegante, não é mesmo dorameiras?








A princípio Ko Bok Sil era uma moça simples, inocente,meiga, compreensível e tão bondosa a ponto de ser boba.  Deu raiva dela por isso, mas me rendeu boas risadas. Pelo amor de Deus, que roupas eram aquelas que a protagonista usava? Uma mais feia que a outra, sem contar o estilo de velha. Felizmente ela mudou ao longo da trama e passou a usar umas roupas mais elegantes. Gostei de como a personagem amadureceu ao longo da trama.  O papel em si podia ser um pouco sem sal, porém as interações dela com o Louie recompensaram cada segundo que investi nesse dorama. 




A história também conta com personagens secundários inesquecíveis pelo seu bom humor. Obviamente temos outros personagens com caráter duvidoso e até insuportáveis. Fazer o que, todo dorama tem né. Mas o bom é que não conseguimos odiá-los por muito tempo.


Esse é o Cha Joong Won, não lembro muito bem qual o cargo que ele exercia na empresa do Louie, mas acho que era de chefe do departamento de Marketing. Algumas pessoas não gostaram tanto do personagem dele, porém comigo foi diferente. Ele foi um dos personagens mais marcantes  no dorama, era difícil esquecer aquele som que ele fazia com a boca kkkkkk
Além disso este foi o primeiro a acreditar e a reconhecer as habilidades da Ko Bok Sil. Se apaixonou pela Ko Bok Sil, mas não teve muita chance. Afinal, o Louie é imbatível não é mesmo? Fora a idade... Admito que ele é um velho bonito, gosto da atuação desse intérprete.
 O senhor Cha amenizou os momentos dramáticos e a amizade dele com o Louie se desenvolveu de forma bem agradável. 


Essa é Baek Ma Ri. O nome dela me lembrou a personagem de Orange Marmalade, só que a personalidade delas são totalmente o oposto. A de Shopping King Louie é uma espécie de anti-heroína.  Tomou decisões erradas e até roubou a ideia da Ko Bok Sil.  Para que as pessoas gostem dela esconde seu verdadeiro eu. Ela é uma bruxa. Felizmente não ficamos com muita raiva por acontecerem algumas situações cômicas na vida dela. A jovem tem uma quedinha pelo Joong Won. A personagem deveria parar de tentar ser outra a fim de agradar os outros, pois assim nunca será feliz. Além disso tem que aprender a respeitar o próximo e ser honesta. 
Jo In Sung mora com a mãe na casa de baixo onde Louie e Ko Bok Sil moram juntos. A mãe dele é fiel amiga desta última e sempre tentava ajudá-la. Jo In Sung se torna um ótimo amigo de Louie, sendo ele o responsável pelas maiores comédias do dorama. Acredito que a parte mais engraçada foi quando ele cagou no carro da Ma Ri. Que cena foi aquela. Ela deve ter pago todas as suas maldades naquele dia. Me senti no lugar dela, nojinho. A coitada ficou traumatizada com toda a razão.
Jae Sook é a mãe da Ma Ri. Gostei bastante da personagem dela. Diferentemente da filha e do marido tem um coração gentil e livre de ganância. Quando o Louie estava desaparecido ela poderia muito bem deixar quieto, mas mesmo assim contou sobre o paradeiro dele, além de ajudar em outras coisas. Uma fofa, não merece o marido que tem.  Shippei horrores ela com o detetive bonitão. Ela, a mãe do amigo do Louis e a mãe do senhor Cha juntas são uma graça. Impossível não se divertir. Principalmente quando a mãe do senhor Cha briga com o marido por causa das ameixas. 

Olha que pose sexy! 
O rapaz que lhes apresentei na foto se chama Joo Hyuk. Outro personagem secundário que conquista o público tanto por sua beleza quanto por seu jeito amável. Este foi incrivelmente atencioso com a protagonista e o Louie. Ajudou a desvendar o mistério por trás da amnésia do Louie. Também tratou a Jae Sook como uma princesa. Mesmo ele sendo bem mais novo que ela foi impossível não querer os dois juntos. Era cômico vê-la apreciando a beleza deste.
Esses dois também são super palhaços. Ele é o mordomo fiel do Louie, já ela possui o cargo de governanta da vó do Louie. Na verdade, ambas estão envoltas por uma relação muito maior do que empregador e empregada, pois são muito amigas. A Jung Room fica com ciúmes da patroa e não o deixa chegar perto ou tomar nenhuma decisão importante. Em seus tempos de moça era a mulher mais forte, pois vencia até homens. Coitado do mordomo, tinha que fugir do taco de basebol. Isso na época em todos pensavam que Louie estava morto. Depois um lindo romance surge, bem como uma linda surpresa extra.
Outro ponto positivo desse dorama se dá devido a avó doce do protagonista. Aqui nesse dorama não tem velha chato, nem impedimento do namoro. A avó dele super apoia os dois. Uma pena o que aconteceu... Nem adianta chorar porque não posso dizer o que aconteceu. Seria um spoiler imenso!

 Já ia me esquecendo do quase vilão. Eis aqui o pai da Ma Ri. Isso explica o caráter da filha. Muito próximo da família do Louie se achava o executivo mais competente da empresa e temia ser deixado para trás quando Louie assumisse a presidência. Achava o Loui inexperiente, por isso a ganância tomou controle de sua existência. 

CONCLUSÃO
Se tem alguém receoso em assistir esse dorama pode ver sem medo. Não será perda de tempo de forma alguma. Pelo contrário: Shopping King Louie tem um enredo  tão leve a ponto de viciar. Sem grandes dramas nos faz esquecer ainda mais os problemas e embarcar na vida dos personagens. Muitas risadas o esperam com esse drama. O romance está repleto de cenas fofas que nos mostram a força do amor, o quanto é bom ter pessoas que nos amam e se preocupam conosco, além de ensinar a valorizá-los. Uma obra que após seu término te faz pensar no quão melhor seria o mundo caso perdoássemos as pessoas que realmente se arrependeram de seus atos falhos, tudo isso sem guardar rancor ou perder a confiança na humanidade. Um dorama sem grandes vilões, que nos faz ter esperança na sociedade. Foge daquele princípio que só existem mocinhos e malvados, não pode existir alguém que erre, mas no fundo tenha salvação. Os atores interpretam com maestria o papel a que se dispuseram fazer. Seo In Guk tem um grande futuro como ator. Sua fofura me convenceu. Nan Ji Hyun também me conquistou com sua atuação. Apesar de atuar em um personagem semelhante ao que fez em What Happened to My Family? nesse dorama a personagem amadureceu de forma esplêndida. Todo o elenco está de parabéns, são personagens com características marcantes. Sobre o final vi diversas pessoas criticando a produção por encher linguiça. Contudo, devo discordar. Gostei de que tudo se resolveu antes dos episódios finais, assim pude apreciar melhor o término da história. O último capítulo satisfez tudo o que espero de um dorama. Na verdade foi além do que eu esperava. Teve um acontecimento muito tocante no final.
 Louie, Ko Bok Sil e o elenco de Shopping King Louie  ficarão na minha memória por um longo tempo. Só achei desnecessário um acontecimento triste quase no final .
Beijinhos meus lindos! Espero que tenham apreciado a minha resenha e se convencido de que vale a pena assistir. 

Encerro esse post com lindas fotos do casal porque se não tivesse várias fotos não seria a Rebeca kkkk


Que cenas lindas!  Todas queríamos estar no lugar dela nesse momento.

Melhor penteado do ano!kkkkkk



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Impressões finais do dorama While You Are Sleeping

Annyeonghaseyo chingus! Eu não ia fazer resenha agora sobre While You Are Sleeping, mas o dorama estava tão bom que foi impossível deixar minhas observações para depois. Olha a sorte de vocês kkkkkk Podem ficar tranquilos, a resenha não posssui nenhum grande spoiler, apenas alguns fatos importantes.

[Maratona] Good Morning Call: Our Campus Days – Saiba tudo sobre a segunda temporada deste dorama tão especial

Título: Good Morning Call – Our Campus Days Também conhecido como: Good Morning Call – Segunda Temporada Baseado no mangá de mesmo nome, da autora Takasuka Yue Número de episódios: 10, com média de 45 a 50 minutos de duração Tipo: Live-Action. Gênero: Shoujo, Drama, Romance, Comédia & Escolar País: Japão Onde assistir: Netflix 
1.Introdução e comparativo com a primeira temporada. Desde o ano passado eu estava à espera da segunda temporada de Good Morning Call, e finalmente maratonei 10 episódios de um dia para o outro. A trama me prendeu completamente, e se comparado com a primeira temporada, acho que nesta segunda houve mais profundidade em relação aos sentimentos dos protagonistas e o envolvimento com os demais personagens. Quanto ao triângulo amoroso, esta é outra diferença entre as duas temporadas: na primeira, o triângulo amoroso envolvendo Nao era bem mais evidente, uma vez que o sentimento de Daichi pela menina era algo que cresceu durante anos através da convivência que tinham.…

Happy Marriage (Episódios Legendados)

Gente, para quem esperou (um bom tempo) aqui está a lista de episódios de Happy Marriage:
Happy Marriage Episódio 1